FUNDO PARTIDÁRIO

O Fundo Partidário e as renúncias fiscais para partidos políticos custaram R$ 9,4 bi aos cofres públicos, nos últimos 10 anos. O valor é equivalente às obras da linha do metrô que liga a Barra a Ipanema – a obra mais cara das Olimpíadas. O dinheiro foi destinado à propaganda eleitoral e partidária em rádio e televisão, além de aluguéis, viagens, compra de equipamentos e pagamento de pessoal.

CRISE E IMAGEM

O prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, disse que a avaliação das Olimpíadas só será totalmente positiva no longo prazo. O prefeito considera a transformação urbana da cidade mais significativa do que a ocorrida nos Jogos de Barcelona. Para Paes, as crises econômica e política atrapalham a boa percepção dos Jogos.

INFORMAÇÃO INÚTIL

O censo da delegação brasileira nas Olimpíadas mostra que 53% dos atletas são do Rio e de São Paulo. As mulheres são 8 cm mais altas que a média nacional. Os homens, 9 cm.

 VENEZUELA

O governo da Venezuela pretende colocar em prática o plano de estabilização econômica proposto pela Unasul (União das Nações Sul-Americanas). Apesar de parte dos militares ainda resistirem às medidas, o presidente, Nicolás Maduro, é a favor do plano. Entre as medidas propostas estão a liberação do câmbio e a criação de um subsídio semelhante ao Bolsa Família.


POST SCRIPTUM

Após nove dias de cativeiro, Aparecida Schunk Flosi Palmeira, foi libertada. Os sequestradores exigiam 168 milhões de euros ao chefe da Fórmula 1, Bernie Ecclestone, genro de Aparecida. A polícia estourou o cativeiro e não houve pagamento de resgate.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s