MAIS DINHEIRO PARA A SAÚDE

O governo modificou a proposta de restrição de despesas da Unão e aumentou de 13,2% para 15% a receita destinada à Saúde em 2017. O objetivo é facilitar a aprovação do projeto, no Congresso. Com o aumento, o montante destinado à Saúde será mais de R$ 9 bi.

 MENOS DINHEIRO PARA SALÁRIO

Para cortar gastos com salários, o governo pode reduzir o salário inicial do funcionalismo.

CAI DESEMPENHO DA EDUCAÇÃO

Os resultados do Enem mostram que mais da metade das escolas tiveram uma redução no desempenho. Nas escolas públicas, 9 em cada 10 escolas estão abaixo da média do país. Dos 200 colégios com as maiores notas, 180 possuem nível socioeconômico considerável alto ou muito alto.

 DEVOLVENDO

As desistências de compra de imóveis na planta aumentam e preocupam as empresas do setor. Para cada dois imóveis vendidos, um foi devolvido, de acordo com as incorporadoras. Há um ano, esse índice era de 30%.


POST SCRIPTUM

FMI diz que o Brasil vai superar a Itália e voltar a ser o oitavo maior PIB do mundo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s